🇮🇱 ISRAEL – TUDO PARA SUA VIAGEM

Com muita história para contar, Israel é um destino imperdível para quem gosta de imersões culturais e cenários deslumbrantes! Convido você a saber um pouco neste texto que vai te contar tudo sobre esse lugar maravilhoso!

  • O que fazer em Israel: atrações e opções de passeios 
  • Onde comer em Israel: os melhores bares e restaurantes do país
  • Quando ir a Israel: as melhores épocas para visitar
  • Onde ficar em Israel: opções de hospedagem para sua viagem
  • Como chegar a Israel: informações e deslocamentos
  • Para marcar na agenda: atrações secretas em Israel

Israel é um país situado no Oriente Médio, na costa leste do Mar Mediterrâneo. Com uma rica história, é conhecido por ser o lar de várias religiões e culturas!

Tel Aviv é a cidade mais populosa e um centro cultural e econômico importante, enquanto Jerusalém é a capital e um local sagrado para o judaísmo, o cristianismo e o islamismo. Israel é reconhecido por sua tecnologia inovadora, indústria de alta tecnologia e contribuições significativas nas áreas de ciência, medicina e agricultura.

Destacamos também a natureza, uma vez que Israel apresenta uma diversidade impressionante de paisagens em seu território compacto. Desde as praias ensolaradas do Mar Mediterrâneo até as áridas e impressionantes paisagens do Deserto do Negev, passando pelas colinas verdes da Galileia e pelas montanhas da Judéia e Samaria, o país oferece uma variedade de cenários deslumbrantes.

Os visitantes podem explorar a beleza natural do Mar Morto, o ponto mais baixo da Terra, onde a água salgada permite flutuar com facilidade, ou desfrutar das exuberantes reservas naturais do norte do país, repletas de cachoeiras e trilhas para caminhadas. Além disso, há também a singularidade do Mar da Galileia, com suas águas tranquilas e envolto por paisagens montanhosas. Essa diversidade de paisagens faz de Israel um destino atraente para os amantes da natureza e da fotografia.

O que fazer em Israel

Israel abriga uma variedade de pontos turísticos fascinantes que atraem visitantes de todo o mundo. Jerusalém é, sem dúvida, um dos destinos mais emblemáticos, com seu centro histórico contendo locais sagrados para o judaísmo, cristianismo e islamismo, como o Muro das Lamentações, a Igreja do Santo Sepulcro e a Mesquita de Al-Aqsa.

Outro ponto de interesse é o Mar Morto, conhecido por suas águas salgadas que permitem a flutuação única, além dos benefícios terapêuticos de seus minerais.

A cidade de Tel Aviv, com suas praias deslumbrantes e atmosfera vibrante, é um centro cultural e artístico, repleto de galerias, museus e uma animada cena noturna.

Massada, uma antiga fortaleza construída em uma montanha isolada, é um local histórico imperdível, oferecendo vistas panorâmicas do deserto e uma rica história judaica.

As águas cristalinas do Mar da Galileia, as ruínas romanas de Cesareia e a cidade de Haifa, com seus belos jardins e o famoso Templo Bahá’í, também são destinos turísticos populares em Israel.

Onde comer em Israel

A culinária de Israel reflete a diversidade cultural e histórica do país. Com influências do Oriente Médio, do Mediterrâneo e do leste europeu, a comida israelense é uma fusão de sabores e ingredientes distintos. Pratos como o hummus (pasta de grão-de-bico), falafel (bolinhos de grão-de-bico fritos), shawarma (carne grelhada em fatias finas) e tahine (pasta de sementes de gergelim) são encontrados em abundância nos mercados e restaurantes.

Além disso, os sabores frescos e vibrantes das saladas israelenses, como a salada de pepino e tomate com hortelã, são muito apreciados. O pão pita é uma presença constante na mesa, acompanhando muitos pratos. Não podemos esquecer do famoso prato israelense chamado shakshuka, feito com ovos pochê cozidos em um molho de tomate e especiarias. A culinária israelense também valoriza os produtos locais, como azeite de oliva, queijos de cabra, vegetais frescos e frutas suculentas. Com uma mistura de tradição e inovação, a comida de Israel oferece uma experiência culinária rica e saborosa.

Imersos nessa cena fantástica cena gastronômica, vamos falar um pouco sobre os melhores restaurantes de Israel. Começando pelo belíssimo M25 (Tel Aviv) – um restaurante elegante que combina a culinária israelense com influências mediterrâneas, oferecendo pratos sofisticados e saborosos.

Em seguida, vamos para o Machneyuda (Jerusalém). Conhecido por sua atmosfera animada e culinária inovadora, o Machneyuda é um restaurante premiado que serve pratos de inspiração local com ingredientes frescos e sazonais. E não há como esquecer o elegante Dallal (Tel Aviv)! Situado em uma encantadora casa restaurada, o Dallal é um local sofisticado que serve pratos contemporâneos da culinária mediterrânea, com um toque israelense.

Seguimos para o Uri Buri, um lugar aconchegante localizado na na cidade costeira de Acre. É famoso pelos seus frutos do mar frescos e preparados de maneira impecável, oferecendo uma experiência culinária única. E temos também o deslumbrante Eucalyptus (Jerusalém)! Especializado na culinária tradicional de Jerusalém, o Eucalyptus oferece uma experiência autêntica, com pratos saborosos e uma atmosfera acolhedora.

E finalizamos com o Taizu (Tel Aviv). Inspirado pela culinária asiática, o Taizu é conhecido por sua combinação inovadora de sabores tailandeses, vietnamitas e chineses. Com pratos autênticos e contemporâneos, este restaurante oferece uma explosão de sabores e uma atmosfera moderna.

Quando ir a Israel

As melhores épocas para visitar Israel dependem do clima e das suas preferências pessoais. A primavera (março a maio) e o outono (setembro a novembro) são considerados períodos ideais devido ao clima ameno, temperaturas agradáveis e menor quantidade de turistas. Durante essas épocas, você poderá desfrutar de dias ensolarados, florescimento da flora e condições favoráveis para explorar os locais históricos e as paisagens naturais.

O verão (junho a agosto) pode ser quente, especialmente nas áreas costeiras, mas é uma época popular para aproveitar as praias e festivais culturais em cidades como Tel Aviv. O inverno (dezembro a fevereiro) é mais frio e chuvoso, mas pode ser uma ótima opção para visitar o Mar Morto, fazer caminhadas no Deserto do Negev e desfrutar das atrações culturais e religiosas em Jerusalém.

Em resumo, a primavera e o outono oferecem clima agradável e menor aglomeração de turistas, mas cada estação tem seus atrativos e pontos fortes.

Onde ficar em Israel

Vamos conhecer agora as melhores opções de estadia em Israel! Começando pelo The Rothschild Hotel (Tel Aviv), um hotel boutique localizado na famosa Rothschild Boulevard, que oferece quartos confortáveis e contemporâneos, combinando estilo e conveniência para os hóspedes. E temos também o Efendi (Acre)! Esta mansão restaurada do século XIX oferece suítes luxuosas e exclusivas, com decoração elegante e autêntica, proporcionando uma experiência única de hospedagem em Acre.

Seguimos para o belíssimo The Setai Sea of Galilee (Galileia). Localizado às margens do Mar da Galileia, este hotel oferece vistas deslumbrantes, uma piscina infinita e quartos luxuosos, perfeito para relaxar e aproveitar a tranquilidade da região. Tão aconchegante quanto o Beresheet Hotel (Mitzpe Ramon) – um hotel de luxo situado no deserto do Negev, que oferece vistas panorâmicas do famoso Cratera de Ramon. Com suítes elegantes, piscina e um spa relaxante, é um local perfeito para uma experiência única no deserto.

E precisamos falar sobre o The Drisco Hotel (Tel Aviv) ! Localizado em uma elegante área de Tel Aviv, este hotel de luxo oferece quartos elegantes e bem decorados, além de um terraço com vista para o mar, onde os hóspedes podem desfrutar de uma atmosfera agradável.

Finalizamos com o charmoso The Ritz-Carlton, Herzliya (Herzliya). Situado na cidade costeira de Herzliya, este hotel de luxo oferece quartos elegantes, vistas panorâmicas do mar Mediterrâneo e acesso direto à praia. Com um spa de classe mundial, restaurantes refinados e serviço excepcional, é uma escolha popular para quem busca conforto e sofisticação.

Como chegar a Israel

Israel possui alguns aeroportos importantes, sendo o Aeroporto Internacional Ben Gurion (TLV) o principal e mais movimentado do país. Localizado perto de Tel Aviv, o Aeroporto Ben Gurion é conhecido por sua moderna infraestrutura e altos padrões de segurança. É a principal porta de entrada para os visitantes que chegam a Israel, oferecendo conexões com destinos internacionais em todo o mundo.

Outros aeroportos importantes incluem o Aeroporto Internacional de Eilat (ETM), que atende principalmente voos domésticos e alguns voos charter, e o Aeroporto de Haifa (HFA), que lida com tráfego regional e alguns voos internacionais. Esses aeroportos desempenham um papel fundamental na conectividade de Israel com o resto do mundo, facilitando o fluxo de passageiros e mercadorias.

Existem voos diretos do Brasil para Israel, além da possibilidade de conexões via países da Europa, Oriente Médio e Estados Unidos.

Para marcar na agenda

Além das opções citadas anteriormente, existem outras atrações não tão conhecidas em Israel, mas que vale a pena conhecer! Como, por exemplo, o Parque Nacional de Beit Guvrin-Maresha, localizado no sul do país. Este local abriga uma vasta rede de cavernas subterrâneas e sítios arqueológicos impressionantes, incluindo uma antiga cidade subterrânea com câmaras, túneis e um anfiteatro romano.

Outra atração menos conhecida é a Reserva Natural de Ein Gedi, um oásis exuberante localizado às margens do Mar Morto. Com trilhas deslumbrantes, cachoeiras e uma rica biodiversidade, Ein Gedi oferece aos visitantes a oportunidade de explorar paisagens naturais fascinantes e relaxar em piscinas termais.


E aí, gostou desse destino? Pois então é hora de arrumar as malas e se preparar para conhecer todos os encantos de Israel! Convido você a descobrir outros destinos em nosso blog, começando pelo imperdível: Egito!